quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Bolo de Mel e Canela

























Ingredientes:
1 ovo grande
1 chávena de açúcar
3 colheres de sopa de mel
1 colher de sopa de manteiga
2 chávenas de farinha
1 colher de chá de canela
2 colheres de chá de fermento em pó
1 chávena de leite

1.Bata muito bem o ovo com o açúcar e o mel até obter um creme.
2.Junte a manteiga amolecida.
3.Depois de bem incorporada na gemada, acrescente o leite e depois a farinha misturada com a canela e o fermento.
4.Bata tudo muito bem e deite numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha.
5.Leve ao forno, previamente aquecido a 180Cº, durante 40 minutos.

Nota: Uma maravilha de bolinho!!! Pensei que fosse ter o gosto apenas da canela mas enganei-me! Sabe a mel e a canela!! Muito bom mesmo!!!Só achei que ele não cresceu muito! Para uma próxima vez vou experimentar a pôr uma colher de sopa de fermento.
  • Stumble This
  • Fav This With Technorati
  • Add To Del.icio.us
  • Digg This
  • Add To Facebook
  • Add To Yahoo

8 comentários:

risonha disse...

UAU!!! que bom aspecto!
posso levar uma fatia para o lanche?

moranguita disse...

humn que lindo bolo ando com ventade de fazer um bolinho para logo. esta receita ja levo para experimentar

disse...

Acreditem k é muito bom este bolo. Quando o estava a fazer pensava que só ia saber a canela... mas afinal o mel nota-se bem! E a combinação dos dois é uma delicia!

BomBokita disse...

VOU FAZE-LO!!! adorei!

disse...

Já sei k o fizeste Bombokita!! Ainda bem k gostaste!

Rita disse...

Fiz esta receita e adorei o bolo. Já repeti mais vezes.

Rosa Silva disse...

Fiz este bolo ontem à noite e fica uma delicia, estou a comê-lo agora. Só achei que ficou pequeno, pois com os gulosos cá em casa não vai durar muito. Para a próxima faço a dobrar. Sabe realmente a mel e a canela. É DE-LI-CI-O-SO!

Anónimo disse...

e ainda te posso dizer mais, esta mistura é óptima para uma carne assada ou para biscoitinhos. No bolo de chocolate fica 5 ESTRELAS!!! Além de cozinheira sou mãe de família e adaptei tudo o que aprendi na escola (muitas vezes muito pouco apetitoso) ao dia a dia, já que mãe e dona de casa sou por vocação e por opção de vida!
A cozinha é uma arte e, salvo algumas, talvez demasiadas, excepções, está ao alcance de todas as pessoas chegar ao patamar do razoável... e pelo aspecto dos teus pratinhos esse patamar já foi há muito ultrapassado! Parabéns!