quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Secrety Story´s Spaghetti

11 comentários






















Ingredientes:
Esparguete q.b.
18 salsichas
200 g de fiambre
4 ovos
125 g de cogumelos frescos laminados
1 colher de sopa de vaqueiro para bifes
2 colheres de sopa de vaqueiro de alho
1 colher de sopa de azeite
Sal q.b.

1. Coloque uma panela alta com água ao lume, adicione os ovos e quando ferver adicione o esparguete e tempere com sal.
2. Numa frigideira derreta a vaqueiro para bifes, adicione o azeite e depois junte os cogumelos, tempere com sal e tape a frigideira e deixe cozinhar em lume brando.
3. Quando os cogumelos estiverem cozinhados, junte as salsichas cortadas às rodelas e o fiambre desfiado, volte a tapar e deixe cozinhar um pouco em lume alto, só para aquecer.
4. Escorra o esparguete, adicione a vaqueiro de alho e mexa até que se derreta.
5. Descasque os ovos, corte-os em luas e adicione à massa assim como os ingredientes da frigideira.
6. Envolva tudo muito bem e sirva!






















Nota: Esta semana estávamos a ver em directo a casa dos segredos bem na hora do jantar... e o jantar deles tinha muito bom aspecto... penso que terá sido a Tatiana a cozinhar... e o meu xuxu (que detesta massas) concordou e disse que tinha mesmo bom aspecto... tentamos perceber quais eram os ingredientes, imaginamos uma receita e voilá... foi o jantar de ontem!
Eu adoro massas... é ÓBVIO que amei esta!!! O meu xuxu disse: «esta m**** é mesmo boa» LOL desculpem a asneira mas foi mesmo assim que ele disse! (Penso que não queria dar o braço a torcer por ser massa!) Depois mais para frente ainda disse: «o sabor destes cogumelos estão mesmo maravilhosos».
Resumindo, finalmente tenho uma receita que leva massas e que ele finalmente adora!!! Porque dantes sempre que o prato tinha massas era logo: «massa?? =/ »
Agora... tramou-se!!!! ahahah

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Espetinho do Lombo

11 comentários























Ingredientes:
1 lombo de porco (de preferência com uma camadinha de gordura por cima)
1 tomate
1 pimentos
1 embalagem de fatias de bacon
1 embalagem de fatias de queijo
Alecrim q.b.
Azeite q.b.
Colorau q.b.
Pimenta de 3 pimentas q.b.
Sal q.b.

1. Corte o lombo em fatias, entre 8 a 10.
2. Tempere as fatias de ambos os lados com sal, pimenta moída e colorau e deixe repousar.
3. Enquanto isso, corte os pimentos, o tomate, o bacon e o queijo.
4. Para fazer o espetinho eu fiz duas "pilhas" (montes) de lombo, bacon, queijo, pimento e mais bacon... até acabar os ingredientes... depois espetei um pauzito de espetadas (daqueles de madeira) em cada um, deitei os dois montes, uni-os e então espetei dois espeto maiores que fossem de uma ponta à outra e retirei os de madeira (que só tinha colocado para estabilizar)!
5. Num tabuleiro coloque uma folha de papel vegetal, coloque o lombo, regue com um pouco de azeite e polvilhe com alecrim.
6. Leve ao forno até ficar douradinho, cerca 45 minutos.























Nota: Mais uma receita do blogue do Ricardo, Pratos que Falam. Assim que vi a receita pensei logo... não gosto de lombo (geralmente são secos e rijos, especialmente porque é de um porco caseiro) e tenho lá um na arca... esta receita veio mesmo a calhar...
Assim que o tirei do forno... os meus olhos saíram da orbita! Achei que ficou tão lindo!!!! Tão douradinho... achei contudo, que coloquei pouco queijo... podia ter abusado =)



sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Panquecas para 2 ♥

8 comentários


























Ingredientes:
125 g de farinha
1 ovo
150 ml de leite
30 g de margarina derretida (morna)
1 colher de sopa de açúcar (cheia)

1. Bata os ingredientes até obter uma massa homogénea.
2. Aqueça uma frigideira e pincele-a com margarina.
3. Verta uma concha (usei a colher dos gelados) da massa na frigideira quente deixe a massa ganhar "furinhos", altura que deve virar a panqueca com a ajuda de uma espátula.
4. Repita a operação até acabar a massa.




























Nota: Finalmente um dia de folga! Bem... tecnicamente não foi bem um dia de folga porque tive de ir trabalhar 2 horazitas... mas fora isso... tive o dia todo em casa... e quando acordei apeteceu-me panquecas! Mas queria algo muito rápido de fazer... encontrei no blogue da Katy - No Reino da Paparoca - a receita perfeita. Reduzi as quantidades para metade porque afinal éramos só 2 ao pequeno almoço =) - Só não cortei no açúcar porque já achava pouco na receita da Katy... e ainda bem que não o fiz... achei as minhas impecáveis.
Deu para 9 panquecas com 11 ou 12 cm de diâmetro.
A acompanhar a panquecas usei golden syrup... =) DIVINO!!!!!



quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Empadão de Outono

5 comentários



























Ingredientes:
1 lombinho de porco
1,5 kg de batatas
1 cebola
2 dentes de alho
3 tomates maduros (usei 1/2 lata)
1 folha de louro
1 lata de cogumelos laminados
1 cubo de caldo de carne
1/2 copo de vinho branco
1 copo de castanhas
60 g de margarina
1 colher de sopa de tomate concentrado
Azeite q.b.
Margarina q.b.
Sal q.b.
Leite q.b.
Noz-moscada q.b.
2 ou 3 ovos
1 gema
Azeitonas q.b.

1. Coloque as batatas a cozer em água temperada com sal.
2. Coloque a margarina a derreter num tacho, depois adicione um fio de azeite.
3. Adicione a cebola e os alhos picados, a folha de louro e deixe refogar.
4. Adicione o tomate e deixe refogar mais um pouco.
5. Adicione a carne, os cogumelos escorridos e o tomate concentrado.
6. Tempere com sal e o caldo de carne.
7. Acrescente o vinho branco, as castanhas tape o tacho e deixe cozinhar por 10 minutos mexendo ocasionalmente.
8. Escorra as batatas e desfaça-as em puré, adicione leite, os ovos e a margarina até obter a consistência que deseja, verifique se está bom de sal e junte noz-moscada.
9. Numa assadeira coloque um pouco de puré no fundo, depois a carne com os cogumelos e castanhas e o restante puré.
10. Pincele com a gema batida e decore com azeitonas e leve ao forno pré aquecido até ficar douradinho.



























Nota: Adorei!! Quando vi esta receita no blogue do Ricardo: Pratos que Falam... eu não resisti em experimentar. O nome Outono cativou-me assim com as fotos e os ingredientes. Contudo penso que na receita do Ricardo apenas faltam as castanhas... afinal estamos a falar de Outono... nós, cá em casa, adoramos castanhas em receitas portanto nem pensei duas vezes!!
Fica aqui então esta receita deliciosa... espero que gostem.

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Tagliata (Bife Marinado) - Nigella

7 comentários


























Ingredientes:
1 Bife de vaca (não muito grosso)
Azeite extra virgem q.b.
Vinagre de vinho tinto q.b.
Flocos de chili q.b.
Oregãos secos q.b.
Sal q.b.

1. Leve ao lume um grelhador e deixe aquecer uns segundos.
2. Faça a marinada, num recipiente adicione um pouco de azeite, uma pitada de vinagre de vinho tinto, um pouco de flocos de chili, oregãos secos e sal, mexa e reserve (com medo que o bife ficasse insosso, temperei o bife com umas pedrinhas de sal em vez de temperar a marinada).
3. Coloque o bife a grelhar 2 minutos de cada lado, sem adicionar qualquer gordura no grelhador .
4. Assim que terminar o tempo, coloque o bife na marinada durante 2 minutos de cada lado.
5. Corte em tiras e sirva.


























Nota: Mais uma receita do mais recente trabalho de Nigella Lawson: Nigellissima. Apesar de já ser a 2ª vez que a via a fazer uma receita deste género... eis que finalmente me decidi a fazê-la.
Segundo a Nigella, esta receita é inspirada no Bife de Florença... que basicamente é um bife grande grelhado, marinado e cortado em tiras.
Como podem constatar o meu bife não está cortado em fatias... pois... esqueci-me dessa parte... LOL
A nigella explica que quando o bife está em repouso os sucos do bifes saem e entram os da marinada... E de  facto até é verdade... o bife é uma verdadeira delícia e tão simples de fazer!!






sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Delícia Cremosa

9 comentários



























Ingredientes:
75 g de açúcar
20 g de farinha
1 ovo
1 gema
250 ml de leite
200 ml de natas ou chantili pronto
2 colher de sopa de açúcar
1 lata de leite condensado cozido

1. Junte o açúcar com a farinha, o ovo, a gema e mexa bem.
2. Adicione o leite e leve ao lume brando, mexendo até engrossar.
3. Retire do lume e deixe arrefecer mexendo ocasionalmente.
4. Batas as natas firmemente e junte-lhe as colheres de açúcar e bata por mais 1 ou 2 minutos. (Eu saltei esta parte e usei chatili pronto)
5. Distribua um pouco de leite condensado entre taças, ocupando 1/3 da sua capacidade.
6. Sobre o leite condensado, disponha de uma camada do creme já frio.
7. Por fim, coloque as natas dentro de um saco pasteleiro e termine de encher as natas (já eu, na hora de servir acabei por encher as taças com o chantili).
8. Decore a gosto e sirva bem fresco.


























Nota: Nham nham... é mesmo uma delícia! O meu xuxu adorou a parte do leite condensado (antes 
de saber que era leite condensado)... mas quem não gosta de roubar umas colheradas quando abrimos uma lata de leite condensado... é um pecado tão bom. 
Rendeu-me para 4 tacinhas.
Não sei se reparam mas as tacinhas são de plástico... Porquê? O meu xuxu é um guloso de 1ª... então geralmente as sobremesas são sempre para ele... então como ele não almoça em casa (leva o almoço de casa) quando faço uma sobremesa coloco em taças de plástico com tampa que é para ele poder levar. =)
Receita da revista Mulher Moderna na Cozinha.

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Compota de Maçã

4 comentários









































Ingredientes:
750 g de maçãs (descascadas e descaroçadas)
500 g açúcar
1 pau de canela
1 tira de casca de limão (só a parte amarela)

1. Leve a maçã ao lume cortada em pedaços pequenos juntamente com os restantes ingredientes, deixando ferver durante 5 minutos.
2. Retire o pau de canela e a casca de limão e triture o preparado.
3. Leve novamente ao lume brando e deixe ferver por mais 5 minutos.
4. Disponha em frascos esterilizados.



























Nota: Um doce que se faz em pouco mais de 10 minutos?? Humm é estranho não é? Mas é verdade! Quando estava a ler a receita na revista Doces Momentos nº42 eu achei muito estranho... mas resolvi tentar... e não é que ficou perfeita??!!!!! Ficou com uma consistência impecável e melhor que isso: ficou muito boa mesmo! Nunca tinha provado doce de maçã... passou a ser dos meus favoritos!!
A receita deu para 4 frasquinhos com, aproximadamente, 200 ml cada... um para a mana (que me deu as maçãs), um para a sogra (para que esteja sempre do meu lado ahahah) e 2 para nós... que neste momento já só temos um. =) É bom que hei-de eu fazer!

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Frango Italiano - Nigella

6 comentários


























Ingredientes:
1 frango inteiro de compra
3 a 4 pimentos (qualquer cor excepto o verde)
1 alho francês
1 mão cheia de azeitonas pretas
1/2 limão
Alecrim q.b. (se for fresco melhor)
Sal q.b.
Azeite q.b.

1. Corte os pimentos em tiras grossas e forre o fundo de um tabuleiro.
2. Corte o alho francês em pedaços grandes e cortados a meio e junte-os aos pimentos.
3. Espalhe as azeitonas no tabuleiro.
4. Tempere o interior do frango com sal, coloque o meio limão e algum alecrim.
5. Por fim, tempere o exterior do frango e os legumes com sal, alecrim e azeite... leve ao forno por cerca de 1 hora (deixei o meu ficar 1h30).



























Nota: Mais uma receita da Nigella... do seu novo trabalho Nigellissima. Quando estava a ver ela a fazer a receita (video em baixo)... lembrei-me dos muitos frangos com limão/maricas entre outros nomes que eu vi em muitos blogues... e pensei exactamente o mesmo de quando lia as receitas: «como é que o frango fica temperado em cima??»...Como eu imaginei: não fica. Fica seco e sem grande sabor... Contudo... ao trinchar o frango em pedaços e mergulha-los no molho de pimento... ai a conversa é outra... humm aqueles pimentinhos tão bons... Gosto muito da Nigella... mas esta não é uma receita «cabumm» como ela costuma dizer.




segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Serradura da Filipa

5 comentários









































Ingredientes:
400 ml de natas
1/2 lata de leite condensado
1 pacote de bolachas maria
150 g de tablete de chocolate

1. Comece por raspar o chocolate até obter pedacinhos minúsculos.
2. Batas as natas bem batidas.
3. Triture as bolachas.
4. Envolva as natas com o leite condensado, adicione as bolachas e depois o chocolate e envolva tudo muito bem.
5. Leve ao frio até servir.


























Nota: Fico impressionada com a minha sobrinha... Com apenas 10 anos tem a iniciativa de fazer sobremesas e bolos... sem ler receitas!
Tirei um dia de férias que calhou num dia que ela se tinha esquecido de comprar senha para almoçar e como tinha 3 horas de almoço fui buscá-la à escola... mal chegou a casa perguntou: « Tens natas tia? E bolachas? E chocolate? Posso fazer um doce? » =)
E lá se desenrascou sozinha a fazer o doce... a única coisa que ela não queria fazer era raspar o chocolate porque dava trabalho... mas felizmente eu tenho muitas maquinetas e raspamos o chocolate em menos de um minuto!
Em relação ao doce... eu sei que não tem aquele aspecto maravilhoso... mas é sempre um sucesso em festas   e/de aniversários... especialmente entre a criançada... 

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Tarte Suprema de Maçã

6 comentários



























Ingredientes:
6 maçãs
1 massa folhada
150 ml de leite condensado
200 ml de natas
1 colher de sopa de farinha maisena
3 ovos grandes
1/2 limão (sumo)
Manteiga, farinha e geleia de marmelo q.b.

1. Num tacho com água, coza 3 maçãs (descascadas e descaroçadas).
2. Depois de cozidas, escorre-as e esmague-as com a ajuda de um garfo e reserve.
3. Ligue o forno a 180ºC.
4. Unte uma tarteira com manteiga e polvilhe-a com farinha, depois forre-a com a massa folhada.
5. Numa taça, misture o leite condesado, as natas e a farinha maisena.
6. Adicione os ovos e as maçã esmagadas e bata muito bem.
7. Deixe repousar uns minutos e volte a bater mais um pouco e depois verta este preparado para a tarteira.
8. Descasque as restantes maçãs cortando-as em fatias finas. Regue-as com o sumo de limão e disponha-as sobre a massa (aperte-as muito bem).
9. Leve ao forno entre 25 a 30 mintos (precisei cerca de 45 a 50 minutos!!)
10. Desenforme a tarte e, enquanto está quente, pincele-a com geleia de marmelo.



























Nota: Assim que vi esta tarte na revista Mulher Moderna na Cozinha não resisti em fazê-la... até porque tenho imensas maçãs!!
Mas confesso que fiquei um pouco desiludida... não que a tarte não seja boa! Porque é deliciosa... sabe imenso a maçã! Uma verdadeira tarte de maçã! Fiquei desiludida foi com a consistência da massa... ficou do tipo: pudim. Em vez de saborear uma tarte de outono... pareceu-me uma tarte de verão: fresquíssima! Mas com um intenso sabor a maçã!

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Cheesecake de Chocolate de Avelãs - Nigella

14 comentários






Ingredientes:

Base:
100 g bolachas maria douradas
1/2 mão de avelãs
1 colher sopa de nutela
50 g de manteiga sem sal a temperatura ambiente

Recheio:
200 g de queijo creme a temperatura ambiente
100 g de icing sugar
400 g de nutela a temperatura ambiente

Decoração:
Avelãs picadas

1. Colocar os ingredientes para a base na trituradora e desfazer tudo até obter uma espécie de "areia molhada".
2. Forrar o fundo de uma forma de fundo amovível com 20 cm de diâmero com o preparado anterior calcando bem e depois reserve no frigorífico.
3. Numa taça adicione os 3 ingredientes do recheio e envolva-os com a batedeira.
4. Verta este preparado para a forma, decore com avelãs picadas (eu como não encontrei, comprei avelãs inteiras, coloquei-as no forno para a pele delas se quebrar e depois piquei-as um pouco) e deixe ficar no frigorífico a noite inteira.






























Nota: De todos os chefs famosos que existem por ai... sem dúvida que a Nigela Lawson é das minhas preferidas. Não só porque me fascina saber que aquela mulher já tem 52 anos e aparenta ter trinta e poucos (!!?) mas também porque as receitas dela são extremamente simples e, no entanto, maravilhosas!!
Acabou de lançar um novo livro NIGELLISSIMA, penso que ainda não está à venda em Portugal, e para promover o livro fez 6 episódios. No youtube é possível ver o primeiro episódio... aliás foi mesmo desse episódio que retirei a receita!!! Não tem quantidades portanto fiz meio a olho... para a base eu diria que ela utilizou o dobro dos ingredientes que publico aqui... mas ela usou uma forma das grandes... e eu optei por usar uma forma de 20 cm porque reparei que o cheesecake dela fica muito baixinho. Então reduzi a base para metade e usei uma forma de 20 e eu acho que ficou perfeito. 
Não sei se já vos disse mas eu AMO NUTELA!!
Deixo aqui o 1 episódio de Nigellissima... infelizmente tenho que esperar que uma alma caridosa publique os 5 =D



quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Puré de Batata com Castanhas

4 comentários

























Ingredientes:
1,5 kg batatas
1 mão cheia de castanhas congeladas
Ovos q.b.
Manteiga q.b.
Leite q.b.
Sal q.b.
Noz moscada q.b.

1. Faça o puré a seu gosto, eu cozo as batatas e tempero com mais sal do que habitual.
2. A 5 minutos do fim adicione um escorredor com as castanhas e coloque dentro do tacho das batatas de forma a cozerem na água mas sem se misturarem com as batatas.
3. Retire ambos da água e reserve as castanhas.
4. Desfaça as batatas em puré, adicione os ovos, a manteiga e o leite até obter a consistência que desejar.
5. Rectifique os temperos e polvilhe com muita noz moscada!! (Adoro)
6. Pique as castanhas e envolva-as no puré. Depois é só servir.


























Nota: Com o Outono chegam as castanhas e nós cá em casa adoramos castanhas! Em especial misturada nas receitas. Ia então fazer um puré e pensei... «e se eu colocasse umas pepitas de castanhas... no meio de uma textura fofinha encontrar pedacinhas de castanhas deliciosas... humm» e fui para a frente com a ideia! Ficou genial!

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Bifes com Molho de 3 Pimentas

12 comentários

























Ingredientes:
4 bifes do lombo (vaca)
2 dentes de alho
200 ml de natas
1 colher de sopa de margarina: vaqueiro especial bifes
1 colher de sopa de azeite
1 colher de chá de mistura de 3 pimentas (moído ou grãos)
2 colheres de chá de molho de whisky
3 colheres de chá de molho de 3 pimentas
Sal. q.b.
3 Pimentas moídas q.b.

1. Tempere os bifes com sal, o alho picado finamente e um pouco de 3 pimentas moídas.
2. Leve uma frigideira ao lume com a margarina e deixe derreter.
3. Junte o azeite, deixe aquecer e adicione os bifes. Frite-os de ambos os lados. Retire e reserve.
4. Na gordura que ficou, adicione as natas, a colher de chá de pimentas, o molho de whisky, o molho de 3 pimentas mexa muito bem e deixe engrossar o molho.
5. Junte os bifes no molho e deixe-os aquecer.
6. Retire, decore e sirva!

Nota: Um dos meus restaurantes favoritos é o Vintage (em Pombal)... foi lá que provei pela primeira vez "bifes com molho de 3 pimentas" e AMEI!!! FIQUEI MARAVILHADA!!  Mas tão bom mesmo que queria experimentar a fazê-los em casa... mas como??? Bem andei a fazer umas pesquisas e encontrei várias receitas muito semelhantes... e ao lendo fui imaginando... «hum aquela margarina para bifes deve ser impecável para esta receita»; «e se eu adicionasse molho de 3 pimentas? E talvez o molho whisky para dar uma corzinha!»... E não é que acertei em cheio porque os meus bifes ficaram com o sabor igualzinho aos do Vintage!! O meu xuxu gostou tanto... mas tanto que no dia a seguir já me estava a pedir para voltar a fazer o quanto antes. Ele disse: «olha que hoje passei o dia a pensar nos teus bifes das pimentas... tão bons» =D
A única observação que aqui faço é... eu utilizei grãos de pimentas (não moí) mas ao comer torna-se chato estar a pô-los de lado ou retira-los da boca... para a próxima uso pimenta moída. =D

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Migas de Bróculos e Castanhas

4 comentários

























Ingredientes:
400 g de bróculos congelados
2 dentes de alho
1 mão cheia de castanhas congelados
250 g de miolo de broa
Sal. q.b.
Azeite q.b.

1. Num tacho coloque água a cozer, quando ferver adicione os bróculos e as castanhas e deixe cozinhar por  5 minutos (era o que dizia na minha embalagem de bróculos). Tempere com sal.
2. Numa frigideira aqueça um fio generoso de azeite e refogue os dois alhos esmagados.
3. Esfarele o miolo da broa.
4. Escorra os bróculos e as castanhas e pique-os grosseiramente.
5. Adicione a mistura anterior na frigideira e vá adicionando o miolo da broa até ganhar a consistência que desejar.


























Nota: Mais uma receitinha inspirada no blogue: Na Cozinha da Carina. Ia fazer bacalhau assado e vinha mesmo a calhar umas migas... mas para fugir as tradicionais migas optei fazer com bróculos (que nós adoramos) e foi extremamente rápido e fácil de fazer!!! Adicionei uma castanhas porque o Outono chegou... o frio também e com eles vieram as castanhas!! Delícia! Eu adorei estas migas! 

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Coxinhas Panadas

6 comentários

























Ingredientes:
8 coxinhas de frango (2 por pessoa)
2 limões (sumo)
3 colheres de sopa de mostarda
1 chávena café de molho de soja
1 colher de sopa de vinagre balsâmico
Pimenta preta moída q.b.
Farinha q.b.
2 ovos batidos
Pão ralado q.b.
Óleo q.b.

1. Faça a marinada com o sumo do limão, o vinagre, a mostarda, o molho de soja.
2. Retire as peles das coxas e tempere-as com sal e pimenta (não esquecendo que o molho de soja já contém sal).
3. Coloque-as na marinada pelo menos 4horas.
4. Numa frigideira aqueça bastante óleo (o suficiente para cobrir metade das coxas).
5. Passe as coxas de frango pela farinha, depois pelo ovo e por fim no pão ralado.
6. Coloque-as a fritar no óleo bem quente mas depois diminua o lume... as coxas de frango levam algum tempo a fritar por dentro... Não me lembro quanto tempo deixei... mas talvez 10 minutos ou mais.






Nota: Já não aparecia a algum tempo não é verdade?? A minha vida está uma loucura... neste momento tenho 2 empregos, não tenho folgas ou seja trabalho 7 dias por semana... geralmente chego a casa depois das 21h30... portanto os jantares têm sido bastante práticos e rápidos... alguns pré-feitos... outros de compra mesmo...
Esta semana encontrei um blogue que gostei muito Na Cozinha da Carina... foi lá que me inspirei a fazer estas coxinhas panadas... EU ADORO PANADOS!!!! 

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Sangria de Frutos Vermelhos

5 comentários




Ingredientes para 3 litros:
1 copo shot de licor de beirão
1 copo shot de whisky (usei william)
1 copo shot de favaios
2 copo (200 ml x 2) sumo de laranja sem gás fresco
750 ml de espumante doce fresco
750 ml de lambrusco rosé fresco
+/- 700 ml de 7up fresca
1 limão
1 ameixa vermelha (verão)
1 romã (inverno)
1 mão cheia de morangos
1 mão cheia de bagos de uva
1 mão cheia de frutos vermelhos congelados
2,5 colheres de sopa de açúcar amarelo
1 pau de canela

1. Num jarro com capacidade para 3 litros, coloque o açúcar, o beirão, o whisky e o favaios e mexa.
2. Adicione o sumo, o espumante e o lambrusco.
3. Adicione o limão e a ameixa cortados em cubos (sem descascar), os bagos de uvas, os morangos e os frutos vermelhos.
4. Vá adicionando 7up e provando a ver se está ao seu gosto.
5. Coloque um pau de canela e reserve no frio.

Nota: Meninas!!! Ontem fiz esta sangria e estava divinal!!!!
Eu sou amante de sangrias (excepto a tinta)... e lá entre os amigos sou conhecida pela minha famosa sangria de espumante... mas ontem dei um jantar para os amigos na casa nova e queria experimentar algo novo... queria experimentar a dos frutos vermelhos... então uma moça do meu trabalho deu-me a receita que ela costuma fazer... alterei um pouco essa receita porque havia logo duas bebidas que eu não tinha (brandy usei whisky e triple sec usei favaios)... a receita também não levava lambrusco.. mas eu tinha lá uma garrafa recentemente aberta e aproveitei-a! Eu acho que ficou divinal e foi elogiada no jantar... até sou capaz de ter gostado mais desta do que a outra! Geralmente para o mesmo grupo de amigos só costumo fazer 2 lt... e desta fiz 3 lt e foi toda!!!! Mesmo fresquinha... impecável!
A foto aqui publicada fui buscar à net porque nunca mais me lembrei desse pormenor... mas antes que me esqueça da receita tive de vir aqui publicar para uma próxima vez =)

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Pão de Ló de Ovar

23 comentários


























Ingredientes:
12 gemas
4 ovos
250 g de açúcar
150 g de farinha peneirada

1. Bata a gemas, os ovos e o açúcar durante 15 minutos.
2. Ligue o forno a 220ºC.
3. Unte uma forma redonda sem chaminé de 24 cm, forre com papel vegetal e volte a untar com manteiga.
4. Adicione a farinha peneirada usando uma "colher de pau", não use a batedeira.
5. Verta a massa para a forma e leve ao forno até estar do ser agrado.
6. Deixe arrefecer antes de servir.





























Nota: Eu gostaria muito de dizer que são 15, 20 ou 30 minutos no forno mas não posso... porque depende dos fornos... 
Eu geralmente faço esta receita mas deixo cozinhar na totalidade, e no forno da minha mãe leva 30 minutos para cozer na totalidade... 
Mas desta vez, fiz este pão de ló especialmente para a lambona da fotografia e ela adora que fique mal cozido, fiz no meu forno e levou, também, 30 minutos para ficar mal cozido!! 
A receita vem do blogue Sabor Intenso, e ela lá diz para colocar no forno 10 minutos! Mas se eu deixasse ficar 10 minutos teria sido um desastre total!!!!
Portanto, o que vos posso aconselhar? Abanem a forma, quando deixar de estremecer nas bordas e estremecer apenas no centro é porque está no ponto!






sexta-feira, 4 de maio de 2012

Pá de Porco Estufada

6 comentários


























Ingredientes:
1 peça de pá de porco
500 g de polpa de tomate
1 ramo de salsa
1 cebola
1 caldo de carne
2 cenouras pequenas
1 cerveja (200 ml)
1 colher de sopa de colorau
1 colher de chá de vinagre balsâmico
1 folha de louro
2000 g de água (usei a medida do frasco de tomate)
1 dente de alho
Vinho branco q.b.
Sal q.b.
Azeite q.b.
Pimenta q.b.

1. Na panela de pressão, pique a cebola e o alho e refogue-os em azeite.
2. Adicione o caldo de carne, o louro e a pimenta.
3. Quando alourar regue com o vinho branco e adicione a carne.
4. Junte a polpa de tomate, 1000 g de água, a cerveja, as cenouras cortadas grosseiramente, a salsa, o vinagre, o colorau e tempere com sal.
5. Tape a panela e deixe estufar em pressão por 25 minutos.
6. Retire a carne e corte-a em fatias e volte a colocar dentro da panela.
7. Acrescente mais 1000 g de água, verifique se está bom de sal e volte a fechar a panela e estufar em pressão por mais 15 minutos.
8. Sirva a carne acompanhada com o molho.


























Nota: Não costumo comprar estes pedaços de carne... não sou muito fã... mas a minha sogra matou o porco e deu-me... e nos tempos que correm é de aproveitar TUDO. Portanto optei por fazer estufado com esta carne. A receita foi inventada mas acabou por ser um sucesso. Por isso mesmo decidi guardá-la aqui no meu blog antes que me esqueça... até porque tenho mais pá de porco na arca =D

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Pizza Bolonhesa

13 comentários


























Ingredientes da massa:
300 g de farinha
15 g de fermento de padeiro
200 ml de água morna
1 colher de chá sal fino (uso uma pitada de sal grosso)

Ingredientes do recheio:
300 g de carne picada (usei vaca)
1 lata de cogumelos
1 cebola pequena
Azeite q.b.
Sal q.b.
1 frasco de molho de tomate especial pizza
1 mão cheia de massa tricolor
2 fatias de fiambre
1 tira de pimento vermelho
Azeitonas q.b.
1 cubo caldo de galinha
200 g queijo ralado

Massa: 
1. Dissolva o fermento na água morna.
2. Misture a farinha com o sal.
3. Adicione a água à farinha amassando bem.
4. Tape e deixe levedar até dobrar de volume (eu aqui uso o forno, isto é, aqueço forno ligeiramente, desligo e depois coloco a massa lá dentro)



























Recheio:
1. Pique a cebola o mais pequeno possível, depois leve a refogar no azeite.
2. Quando querer alourar adicione a carne, previamente temperada com sal, deixe cozinhar um pouco e adicione umas boas colheradas de molho de tomate (+/- 150 ml).
3. Adicione os cogumelos e deixe cozinhar até a carne estar cozida. Desligue e reserve.
4. Coza a massa com o caldo de galinha. Escorra e reserve.
5. Estenda a massa a seu gosto, transfira-a para o tabuleiro do forno forrado com papel vegetal, e barre uma camada de molho de tomate.
6. Por cima espalhe a carne picada com os cogumelos.
7. Depois espalhe as massas, o pimento cortado em tiras, o fiambre lascado, as azeitonas e cubra tudo com o queijo ralado.
8. Leve ao forno até a massa querer dourar e o queijo estiver derretido.


























Nota: Pizza bolonhesa... já a tinha lido nos cardápios das pizzarias... mas provar nunca o fiz... então decidi experimentar fazer em casa... Afinal eu ADORO carne picada refogada com o tomate.... é tão BOM! Aplicar isso numa pizza não poderia correr mal pois não? Óbvio que adicionei os ingredientes que mais gosto, adoro o sabor de pimento numa pizza... adoro adoro adoro.
A pizza estava magnífica. O xuxu apenas reclamou da massa porque ele não gosta de massa... mas eu adorooooooo e não posso fazer tudo só a pensar nele não é? =D


segunda-feira, 16 de abril de 2012

Bifes com Batatas Douradas

7 comentários


























Ingredientes:
500 g de bifes (usei porco e vaca)
150 g de presunto
75 g de margarina
Azeite q.b.
1 cebola grande
2 dentes de alho
1 folha de louro
1 tira de pimento
1 pitada de vinagre balsâmico
1/2 copo de vinho branco
1 kg de batatas
Salsa q.b.

1. Espalme os bifes e corte-os em dois ou três pedaços.
2. Tempere-os com sal, pimenta, louro, alho, o vinagre e regue com vinho branco. Reserve.
3. Descasque as batatas e corte-as em cubos médios e coza-as em água temperada (não deixe cozer demais).
4. Escorra as batatas e vá fritando as batatas cozidas até ficarem douradas.
5. Enquanto isso corte a cebola em rodelas finas e refogue-a no azeite. Quando estiver a querer alourar retire a cebola e reserve-a.
6. Na gordura que ficou, junte a margarina e frite os bifes em lume brando.
7. Adicione o pimento cortado em tiras finas e o presunto, deixe fritar ligeiramente (não deixe cozinhar demais para não apurar o presunto) e desligue.
8. Num tabuleiro de servir junte a carne com o presunto, as batatas fritas, a cebola e a salsa picada, envolva bem e sirva.



























Nota: Adoro batatas fritas cozidas... se tiver batatas cozidas de sobra pode aproveitá-las para este prato. A razão pelo que optei por cozer e depois fritar é que, não só adoro o sabor e a textura (fazem-me lembrar as batatas deluxe que em tempos os mcdonalds já vendeu), mas também porque as minhas refeições são feitas para o jantar e o almoço do dia seguinte. Ora batatas fritas no dia seguinte são intragáveis... portanto decidi cozê-las e depois fritá-las =D têm o sabor de batata frita mas a textura de panados.
Em relação à carne, sempre me questionei porque é que a carne de vaca era mais cara que a de porco se era mais rija e era mesmo vermelha (para não falar da doença da vacas loucas - fiquei traumatizada) ahahah... depois comecei a entender... é mais saborosa =) mas ainda assim não fomos fãs de carne de vaca e por isso optei por fazer com ambas as carnes, mas poderá optar só por uma claro.


sexta-feira, 13 de abril de 2012

Carne de Cebolada

10 comentários


























Ingredientes:
4 bifes ou costeletas de porco
1 cebola grande
1 pitada de vinagre balsâmico
50 g de margarina
Azeite q.b.
Sal q.b.
Pimenta q.b.

1. Tempere a carne com sal e pimenta.
2. Refogue a cebola cortada em rodelas no azeite.
3. Retire a cebola e reserve-a.
4. Adicione a margarina e o vinagre e junte a carne, deixando-a cozinhar em lume brando.
5. Quando estiver cozinhada coloque no prato e adicione a cebola reservada.



























Nota: Eu usei 2 bifes e 1 costeleta... porque eu adoro costeletas e o xuxu nem por isso. Neste caso coloquei a costeleta antes dos adicionar os bifes, porque estes iriam cozinhar muito mais depressa que a costeleta.
Estava maravilhoso. Cebola refogada + costeleta = delicioso =D 

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Roti de Queijo & Fiambre

7 comentários


























Ingredientes:
800 g carne picada (usei mista)
1 ovo
2 colheres de chá de alho picado de compra
1 pitada de vinagre balsâmico
Sal q.b.
Pimenta q.b.
6 a 8 fatias de fiambre
6 a 8 fatias de queijo

1. Numa taça misture a carne com o ovo, e tempere com sal, pimenta, vinagre e o alho.
2. Estenda a carne sobre uma folha de alumínio fazendo um rectângulo.
3. Faça uma camada com o fiambre e outra com o queijo.
4. Com a ajuda da folha de alumínio enrole a carne.
5. Leve ao forno até dourar.



























Nota: Certamente que já provaram e compraram um roti de queijo e fiambre nas grandes superfícies... a 7€/kg... eu já e gosto muito... mas como não tenho estes rotis disponíveis nas redondezas... decidi experimentar em casa! E deste modo até podia carregar no queijo =D... e correu muito bem porque nós adoramos!!!!! Como não há muito molho, acompanhei com o molho de porto anteriormente publicado.