quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Red Velvet Cake (Bolo de Veludo Vermelho)



























Ingredientes
Massa:
350 g farinha peneirada
1/2 colher de chá de sal
2 colheres de sopa de cacau peneirado
112 g de manteiga sem sal a temperatura ambiente (usei vaqueiro líquida)
310 g de açúcar
2 ovos grandes
1 colher de chá de extracto de baunilha
240 ml de leitelho (buttermilk) [encontrei à venda com o nome de TRAVIA]
2 colheres de sopa de corante alimentar vermelho (usei o frasco todo 28 ml)
1 colher de chá vinagre destilado (usei vinagre de arroz)
1 colher de chá de bicarbonato de sódio

Recheio e Cobertura:
227 g de queijo creme à temperatura ambiente
227 g de mascarpone à temperatura ambiente
1 colher de chá de extracto de baunilha
115 g de icing sugar peneirado
1 saqueta de chantilly em pó + 200 ml de leite

Bolo:
1. Ligue o forno a 175ºC.
2. Unte duas formas com 22 cm de diâmetro e forre o fundo da formas com papel vegetal.
3. Numa tigela misture a farinha, o sal e o cacau. Reserve.
4. Na taça da batedeira eléctrica bata a manteiga até ficar suave.
5. Adicione o açúcar e bata até ficar uma massa fofa.
6. Adicione os ovos, um de cada vez e batendo bem após cada adição.
7. Raspe as bordas da taça e adicione a baunilha e bata até estar bem incorporada.
8. Misture o corante vermelho com o leitelho.
9. Reduza a velocidade da batedeira eléctrica e misture, alternadamente, o leitelho e a mistura da farinha, em 3 adições começando e terminando na farinha.
10. Numa tigela pequena adicione o vinagre com o bicarbonato de sódio, deixe a mistura reagir (fazendo espuma) e, muito rapidamente, envolva-a na massa do bolo.
11. Com alguma rapidez, divida a massa nas duas formas, alise a massa com uma espátula e leve ao forno cerca de 25 a 30 minutos.
12. Deixe os bolos arrefecerem dentro das formas sobre uma grelha durante 10 minutos.
13. Coloque a grelha sobre as formas do bolo e vire-os ao contrário, deixado-os invertidos até arrefecerem completamente.
14. Após terem arrefecido, desemforme e embrulhe os bolos em película aderente e coloque-os no frigorífico durante 1 hora (isto serve para facilitar o recheio e a cobertura).

A cobertura:
15. Numa taça da batedeira eléctrica, bata o queijo creme, o mascarpone até ficar suave.
16. Adicione a baunilha e o açúcar e bata até estar bem incorporado.
17. Noutra tigela bata a saqueta do preparado de chantilly com o leite até este ficar firme.
18. Envolva o chantilly com a mistura do mascarpone.

Montagem:
19. Corte os dois bolos ao meio, na horizontal, ficando assim com 4 camadas de bolo.
20. Coloque uma fatia de bolo num prato (com o topo virado para baixo), coloque uma boa camada de recheio, outra fatia bolo, mais recheio, bolo, recheio e termine com a útima fatia de bolo.
21. Com o resto do recheio cubra o bolo todo, em cima e dos lados.
22. Decore a gosto.


























Nota: A primeira vez que fiz este bolo foi quando comecei a cozinhar... apesar do meu inglês nem ser mau... havia muitos termos culinários e ingredientes que eu desconhecia por falta de experiência. Após 4 anos fui reler a receita, que guardo há tanto tempo, e ao ler pareceu-me tão fácil.... nem entendi porque é que não me tinha corrido bem na primeira vez!?
Assim... mesmo sabendo que ia dar trabalho, enchi-me de vontade de fazer este magnífico bolo!
E sabem que mais... agora entendo porque lhe chamam Bolo de Veludo... após ter provado o bolo (2 dias depois do ter feito lol) eu não conseguiria arranjar outro adjectivo para o bolo que lhe assentasse melhor.
Ficou extremamente suave, fofinho... as camadas de recheio mantinham o bolo húmido, mas não em exagero... sem dúvida alguma que aveludado é a melhor definição que me ocorre quando penso neste bolo.
Se dá trabalho? - Sim dá.
Se vale a pena? - SEM DÚVIDA ALGUMA.
Não tive foi é paciência para decorar o bolo mas... «o essencial ao coração é invisível aos olhos»
A receita veio do site Joy Of Baking.

  • Stumble This
  • Fav This With Technorati
  • Add To Del.icio.us
  • Digg This
  • Add To Facebook
  • Add To Yahoo

50 comentários:

Ana Rita disse...

Tão lindo....

Bjokas,

Rita

Bichinha disse...

E foi precisamente no site de onde veio a receita já o tinha micado. Achei-o um mimo mas o facto de ser vermelho intimida-me :) mas é sempre bom ver o testemunho de quem já fez, assim torna-se mais fácil experimentar.

Sarokas disse...

apetitoso!

risonha disse...

um pouco trabalhoso mas o resultado final é excelente.
gostei muito da receita.

Velud'arte disse...

Que delícia.
Já estou a imaginar qual o dia especial em que o vou tentar fazer!
Muito obrigada jú por estas ideias magníficas.

Célia disse...

É de facto um bolo bem bonito sem dúvida.
Também ando tentada a experimentar.

kika disse...

Gosto da cor!! é diferente, bjks

Federica disse...

FA VO LO SO!!!!!!!!!!!chissà che buono! complimenti!

Sissamar disse...

Que lindo que fica!!! Estou bem tentada a experimentar então agora com a receita anterior de substituição, ainda melhor!
Beijinhos

No Conforto da Minha Cozinha... disse...

Que espectaculo Jú.
Ficou muito bonito.
Este bolinho também me andar a deixar com vontade de o experimentar. ;)
Parabéns.
Beijinhos***

»¤Þ䵣䤫 disse...

Muito, muito, mais muito lindo esse bolo, ameiiiii... Parabéns! Vou guardar a receita aqui! Bjokas

Ana Maria disse...

Ficou muito apetecivel. Tambem tenho um bolo destes para postar mas não encontrei o buttermilk e com a versão leite com limão não resulta tão bem. Onde compraste o buttermilk?
Jnhs

disse...

Ana, andei procura no continente e tive de pedir ajuda a uma funcionária.
Tentei explicar o que era... e ela á se lembrou de um produto parecido ao que eu dizia... tinha o nome de TRAVIA. Tem o aspecto de leite talhado.
Junto do mascarporte, ricota, etc.

Ana Maria disse...

Tiveste sorte com a funcionária. Também já perguntei no Continente de Leiria e nem a funcionária repositora nem o supervisor dos lacticinios me souberam ajudar. Tenho de procurar melhor pela marca. Tambem tenho uma receita de scones que queria experimentar com o buttermilk. Obrigada e jinhos.

disse...

Oh Ana, quando fores à procura não digas: ando à procura de buttermilk... porque se apanhas uma que não faz ideia do que seja não te consegue ajudar.
Explica que procuras um produto que parece leite talhado, que é um líquido que resulta aquando o batimento da nata para fazer manteiga (tipo o soro quando se fazem queijos).
A funcionária lembrou-se quando lhe falei em soro! lol

Isa Duarte disse...

Que bolo grande e lindoooooooooo :)

A Autora do blog disse...

Lindo....fantástisco!

http://asvezescozinheira.blogspot.com

dulce disse...

que buen pastel has preparado te quedo genial, me llevo un trozo, besos guapa

isabel disse...

Parabéns Jú: ficou lindo!
beijinho.

Margarida disse...

Uau! Que espectáculo de bolo!

Diogo Marques disse...

Que beleza de bolo :)

Ana Paula disse...

Oi, Ju...realmente, esta mousse é MARAVILHOSA, e as nozes se chamam pecãs, sim!!! Nossa...não tem aí em Portugal? Me parece a noz mais comum do mundo!!! Amo o teu blog...seguidamente dou uma passada por aqui! Bjkas, Ana Paula!

são33 disse...

FICOU BEM LINDO, ENTÃO ESSA COR ...ADOREI.
BJS

Carminha Lyra disse...

Ai Ju,
Que delícia!
Deu água na boooooca ....
eu quero
rsrsrs

Helena disse...

Ju, adorei o bolo. Este é um dos meus bolos preferidos. Realmente dá muito trabalho, mas compensa largamente.

Bjs

Helena Oliveira

Sandra Batista disse...

Lindíssimoooo...imagino o saborzinho!!
Beijinhos

Marina disse...

Parabéns pelo bolo espetacular! Também gostava de fazer o Red Velvet Cake... e fiquei ainda com mais vontade!
Beijinhos.

Ana Rita disse...

Oi,

Voltei para te dizer que tens um selinho no meu blog para ti.

Bjoka,

Rita

cozinha da tia Adelaide disse...

Está perfeito, lindooooo. Uma delicia.
Bjs e bom fim de semana

Carla Oliveira disse...

Olá, nem acredito que não conhecia este blog. Gostei muito do que vi aqui~, e nem de propósti deparo-me com este bolo que tenho já programado para fazer para a minha mãe.
Beijinhos e bom fim de semana.

Ginja disse...

Está LIIIINNNDO!!! Mesmo apetecivel e com um ar super fofo. Sempre quis provar um red velvet cake :) Beijinhos.

Sérgio Gomes disse...

Bem, de desastre culinarios o teu blog só tem mesmo o nome.
Vim agradecer a visita e fiquei encantado, já me tornei seguidor porque quero poder seguir as novidades.

Beijos.

Daniella Carrara disse...

Muito obrigada pela visita ao meu blog! Também gostei muito de conhecer o seu! Bjinhos

Daniana Bittencourt disse...

Eu acho esse bolo tão bonito e só combina também com a cobertura branca, igual ao seu... Eu acho que dessa forma valoriza a cor dele...
Abraços, Daniana
http://cozinhasemdrama.blogspot.com/

moranguita disse...

fizeste bem em tentar de novo porque ficou perfeito!
bom fim de semana

Me,myself & I! disse...

Que bom aspecto...
Vermelhinho,ficou mesmo giro!

a Trofa tem cozinheira disse...

Cá esta! O meu PRIMEIRO COMENT de 2011!!! mereçido!!!! BEM...AMIGA nem eu esperava outra coisa de ti!!! Magnifico, divinal.... LINDO!!!! esta soberbo!!! quase tao lindo como as panquecas que me fizeste! LOOOL

ando bue ocupada e agora o meu gosto pela cozinha já não é o mesmo.... acredita!!! adoro, mas nao gasto o meu tempo nisso....e ainda bem pk entretanto a balança rebentava!!! LOOL ainda assim tenho imensa coisa "a fazer" este bolo esta LINDO DEMAIS!!!

tenho orgulho em ter uma amiga assim!!!!

mil beijos da tua "cona" favorita!

Smsn-artes e ideias disse...

comia uma fatia e acho que rebulava na primeira rua a descer :)))))

que tentação!!

♥♥ belinhagulosa ♥♥ disse...

que lindo Ju ficou perfeito mesmo amiga,bjokinhasss

gasparzinha disse...

Tenho esta receita a marinar há uns bons anos. O teu parece-me tão bom que fiquei com vontade de passar à acção!
Beijinhos

Maguinha disse...

Olá Juliana, andava por aqui perdida e plim caí no teu blog, e adorei, tem receitas muito apetitosas mas deixa-me dizer-te que esta bolo me tirou do serio, tem tao bom aspecto que so me apetecia roubar-te uma fatia eh eh mas como ja nao cheguei a tempo so roubei a receita, obrigado por partilhares delicias tao tentadoras, ja sou tua seguidora se quiseres passa pelo meu cantinho, que ainda nao tem muita coisa pois é relativamente recente, beijocas...
Maguinha

Sofia disse...

Boa tarde! Gostaria imenso de fazer esta receita, podia-me apenas confirmar a quantidade de farinha? É que no site que refere estão 250g. Obrigada e parabéns pelo delicioso aspecto :)

Plantas Curativas disse...

Olá Juliana, fiz o bolo e fiquei rendida ao seu talento. Não encontrei Travia no continente, mas fiz buttermilk caseiro (200ml de leite+ 1 colher de sopa de sumo de limão). A minha família e amigos gostaram tanto que já vou na 3 ou 4 "edição".

disse...

Sofia,
de facto no site diz 250 g... e a receita que tenho guardada também...
a minha dúvida é se eu me enganei a escrever ou se eu me baseei pela medida em 2 1/2 cups... Se eu não me esquecer ainda hoje meço o 2 1/2 cups para ver a que corresponde...

disse...

Sofia,
já confirmei... são mesmo 350g. Baseei-me pelas medidas deles. 2 1/2 cups corresponde a 350 g de farinha.

lili disse...

Ola,sera possivel dizer-me se a farinha é com ou sem fermento?Obrigada

disse...

Lili,
a farinha é sem fermento.
O bicarbonato de sódio vai fazer o mesmo efeito que o fermento.

lili disse...

Consegue-me dizer se esta receita dà para um bolo grandinho ou fica pequeno?queria faze-lo como bolo de aniversario mas tenho receio de ficar demasiado pequeno sendo que o vou fazer numa forma de 26,o que me aconselha?Obrigada

lili disse...

Jà agora diga-me se possivel,no video da receita original ve-se a Senhora a juntar as natas ainda liquidas no creme da cobertura,posso fazer desta maneira ou tem mesmo de se fazer o chantily previamente?Obrigada

disse...

Lili,
o bolo é grandinho.
Quanto às natas, a receita original pede heavy cream ou double cream... o que não existe em Portugal e não é exactamente a mesma coisa que as nossas natas.
Não te posso dizer para usares as natas porque não sei como vai ficar... é mesmo uma questão de experimentares.