segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Filhoses de Abóbora



Ingredientes:
800 g de abóbora menina
50 ml de leite
1 mão cheia de açúcar
3 ovos pequenos
1/2 pacote de fermento de padeiro seco
1/2 laranja (sumo e raspa)
1 pitada de aguardente
+/- 300 g de farinha de trigo
1 lt de óleo
Açúcar q.b.
Canela q.b.
Sal q.b.

1. Descasque e tires as sementes à abóbora. Corte-a aos bocados e coloque-a numa panela com água e sal e deixe cozer.
2. Escorra e desfaça a abóbora com um garfo. Volte a deixar escorrer a abóbora com a ajuda de um passador grande. Com a varinha mágica, desfaça a abóbora em puré, e mais uma vez deixe escorrer a água.
3. Junte o leite, o açúcar, os ovos e bata bem (talvez com uma colher seja melhor para não sujar muito a cozinha =D).
4. Adicione a farinha, o fermento, a raspa e sumo da laranja e a aguardente e volte a bater bem. É normal a massa ficar mole... mas se estiver muito mole adicione um pouco mais de farinha.
5. Tape a massa e deixe levedar num sitio quentinho. Eu costumo aquecer o forno aos 40ºC, DESLIGO, e depois coloco lá a massa com a porta entreaberta... 1 hora é suficiente. A massa tem de ficar rendada... com buraquinhos.




















6. Aqueça o óleo... eu deixo aquecer na placa no nº6.
7. Prepare dois tabuleiros com bastante papel absorvente e uma taça com açúcar e canela.
8. Para testar o óleo eu costumo fazer uma filhós primeiro, para ter a certeza que está quente o suficiente. A partir daí, com uma colher coloco "bolinhas" de massa PEQUENAS a fritar.
9. Quando estão douradas, mas não muito, viro-as.





















Quando ambos os lados estão da mesma cor, coloco-as num dos tabuleiros e deixo-as lá enquanto volto a pôr mais umas "bolinhas" a fritar.




















Só depois passo-as pelo açúcar/canela e então disponho-as no outro tabuleiro.




















Não sobreponha as filhoses. O meu objectivo aqui, é que elas percam a maior parte do óleo no primeiro tabuleiro (convém ir trocando o papel absorvente) e depois perca o restante no outro tabuleiro. Sobrepor as filhoses não permite a absorção.






















































Nota: Como eu adoro o Outono... as coisinhas maravilhosas que nos trás... abóboras, castanhas, dióspiros, as nozes... humm ADOROOOO.
Apetecia-me algo... tipo filhoses... e a minha irmã arranjou-me logo umas abóboras meninas!! hehe
Não tardei muito e neste sábado pus-me a fazê-las. Não consegui arranjar fermento fresco pelo que tive de me desenrascar com fermento seco... não gosto.. mas correu bem.
Já não fazia há muito tempo e estava enferrujada... e por isso mesmo que desta vez a receita é descrita ao pormenor... que é para eu não me voltar a esquecer de nada!!! XD
Esta receita deu para 40 filhoses pequenas... quanto mais pequenas mais rápido se fritam sem ficarem demasiado queimadas.
Já cheira a Natal não??

  • Stumble This
  • Fav This With Technorati
  • Add To Del.icio.us
  • Digg This
  • Add To Facebook
  • Add To Yahoo

10 comentários:

Susana Machado disse...

Que lindas!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Marisa Valadas disse...

As minhas preferidas :)
Passatempo no blog: http://sweetmykitchen.blogspot.pt/2013/10/passatempo-metalurgica.html

Marina disse...

Lindas que ficaram as tuas filhoses!!!
Bjs :)

SarinhaT - No Conforto da Minha Cozinha disse...

Gosto tanto! :D hmmm

♠ Ana Teles | Telita ♠ disse...

Que delícia. Cá em casa, também andamos a cozinhar com abóbora.

______________________
Ana Teles | blog: Telita na Cozinha

Sónia N J disse...

Isso não vale, anda aqui uma pessoa de dieta forçada e a portar-se tão bem e tu colocas aqui isto. Que golpe. Já bebei o teclado todo.
Bj

Taty disse...

Vamos ver se é desta que me aventuro nas filhoses...porque os "desastres culinários" não são só desse lado... ;)

Parabéns pelo blog, muito acessível e cativante.

http://foodmacia.blogspot.pt/

Elizabeth Muller disse...

Oi: por anda você? Estou sentindo falta de suas receitas. Bjs, Beth (Rio de Janeiro)

António Jesus Batalha disse...

Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
decerto que virei aqui mais vezes.
Sou António Batalha.
Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

sãozinha das esperanças ....ou não disse...

parabéns! ainda não fiz, mas já estou a sentir o sabor...vou seguir à risca a receita!