quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Batatas Mediterrânicas - Anna Olson

26 comentários




























Ingredientes:

1 kg de batatinhas
1 dente de alho
2 mãos cheias de azeitonas
Tomate seco (usei tomate seco em azeite)
Azeite q.b.

1. Coza as batatinhas e água temperada com sal.
2. Coloque os tomates secos em água quente para ficarem húmidos (não precisei de fazer porque usei tomate seco em azeite).
3. Com a ajuda de uma faca grande esmague as azeitonas de forma a que a remoção do caroço seja fácil.
4. Escorra as batatas e esmague-as ligeiramente.
5. Coloque as batatas num tabuleiro, rale o dente de alho, junte o tomate seco e as azeitonas picadas e regue com azeite.
6. Envolva tudo muito bem e sirva.

Nota: Como eu adoro estes género de acompanhamentos! Esta receita é da Anna Olson e quando a vi a fazer os meus olhos saíram da órbita! Eu tinha de fazer! Tinha tudo para ser deliciosa e fantástica. E claro que não me enganei! Adorei o sabor do tomate seco e das azeitonas! É divinal.
Mesmo a conjugação das cores... o nome mediterrânico fica mesmo a matar nestas batatas.
Ora bem, o tomate seco tive alguma dificuldade em o encontrar e só o encontrei no site: Gourmet Glamour.
As azeitonas não aconselho a serem aquelas de lata (mesmo sem caroço)... comprem a granel. As minha preferidas são as Galegas, mas vocês é que sabem claro =D

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Bolo Crocante de Nozes

26 comentários




























Ingredientes:
125 g de manteiga à temperatura ambiente
125 g de açúcar mascavado
2 ovos
200 ml de natas
275 g de farinha com fermento
1 colher de chá de canela
70 g de açúcar mascavado
125 g nozes picadas grosseiramente

1. Unte uma forma redonda sem chaminé com manteiga. Forre-a com papel vegetal e volte a untar a forma e polvilhe com farinha.
2. Bata a manteiga com o açúcar até obter um creme esbranquiçado.
3. Adicione os ovos, um a um, até estarem bem ligados.
4. Junte as natas e envolva-as bem no preparado.
5. Por fim adicione a farinha e incorpore até obter uma massa homogénea.
6. Numa tigela misture a canela e as 70 g de açúcar mascavado e reserve.
7. Verta metade da massa na forma, polvilhe com metade do açúcar e canela e com metade das nozes.
8. Verta a restante massa e volte a polvilhar com o restante açúcar e canela e as restantes nozes.
9. Leve ao forno a 180ºC aproximadamente 45 minutos.





























Nota: Mais uma receita do meu livro favorito «as melhores receitas de bolos e tartes»... [entretanto publico aqui o livro todo lol =D]
Este bolo é SOBERBO!!! É suave, fofinho, e muito muito muito mas mesmo muito CROCANTE!!!!
Cada trinca um pedaço de noz a desfazer-se... humm e canela? MAGNÍFICOOOO!!
Não se vão arrepender!!!

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Bolo de Chocolate recheado com Creme de Chocolate

34 comentários




























Ingredientes

Bolo:
250 de manteiga (usei vaqueiro líquida)
250 açúcar amarelo
6 ovos
1 colher de chá de fermento
4 colheres de sopa de chocolate em pó
250 g de farinha

Creme de Chocolate:
200 ml de natas
1 colher de sopa de manteiga
400 g de chocolate em tablete

1. Ligue o forno a 180 ºC.
2. Bata o açúcar com manteiga, depois adicione a gemas e continue a bater.
3. Misture o fermento com a farinha e envolva-os na massa.
4. Adicione o chocolate.
5. Batas as claras em castelo e envolva-as com cuidado na massa.
6. Unte uma forma redonda sem chaminé com manteiga e polvilhe-a com farinha, verta a massa para a forma e leve ao forno entre 40 a 50 minutos.
7. Enquanto o bolo está no forno faça o creme de chocolate, leve as natas ao lume até estas ferverem. Junte a manteiga e deixe levantar fervura novamente. Desligue o fogão e adicione as 400 gr de chocolate partidas em pedaços mexendo até que se dissolvam e formem um creme. Reserve no frigorífico.
8. Desenforme o bolo e deixe arrefecer.
9. Corte o bolo em camadas (quantas você quiser) e recheie com o creme de chocolate.
10. Com o restante creme, cubra o bolo e decore a gosto.






























Nota: Mais uma receitinha do meu livro maravilha «As melhores receitas de bolos e tartes»... e mais uma vez a foto do livro não corresponde ao resultado final... mas tudo bem... não é grave.
O bolo é delicioso!!!!!!! Mesmo delicioso!!
Não se esqueçam de ir verificando a cozedura do bolo... assim que o palito sair seco retire o bolo... senão ele vai secar... e nós não queremos isso claro. =D
A fatia que falta foi o meu xuxu que roubou =)

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Bombons de Limão

25 comentários




























Ingredientes

200 g de tablete de chocolate
200 ml de leite condensado
1 limão (sumo)
2 limões (raspa)
2 gemas

1. Comecemos pelo recheio, coloque um tacho ao lume com o leite condensado, as gemas, a raspa dos dois limões e o sumo de 1 limão, mexendo sempre até engrossar. Deixe arrefecer completamente.
2. Parta a tablete de chocolate em pedaços (quanto mais pequenos melhor) e coloque-os dentro de uma taça de vidro. Leve um tacho com água ao lume e encaixe a taça de vidro. O objectivo aqui é fazer o chocolate derreter apenas com o vapor da água.
3. Assim que o chocolate estiver completamente derretido retire e encha as formas (de preferência de silicone) com o chocolate derretido, confirme que as paredes estão bem cobertas e escorra o excesso.
4. Com uma faca raspe o chocolate derretido das partes circundantes de cada bombom e leve ao frigorífico.
5. Volte a repetir o processo de modo a criar uma capa resistente.
6. Com uma faca raspe o chocolate derretido das partes circundantes de cada bombom e leve ao frigorífico.
7. Recheie as formas com o creme de limão, tendo o cuidado de não encher demasiado, e com o restante chocolate tape o recheio verificando que fica bem selado.
8. Raspe o excesso de chocolate e leve ao frigorífico até ficarem completamente frios.
9. Desenforme e delicie-se...






























Nota: Quando eu vi esta receita no blogue da
Casita Verde eu babei-me!!! Os únicos bombons que eu como têm de ter recheio cremoso! Não vale a pena darem-me bombons rijos e secos! Os meus bombons preferidos são umas tabletes que só se vendem na Migros na Suiça... Qualquer coisa cremetta... maravilhaaaaa... bem voltemos à terra...
Aproveitei que a minha irmã do meio me deu uma forma de bombons e não esperei muito para fazer esta receita!!
Fantástica!!! Maravilhosa, deliciosa... e..... cremosaaaa!!
Não correu como era suposto... isto é... não cheguei a fazer a segunda capa e porquê? Porque como o chocolate derretido ficou espesso tive dificuldade de fazê-lo escorrer da forma... tendo que retirar o excesso de chocolate com uma colher =D... levei ao frigorífico e depois apenas "reparei" onde tinham falta de chocolate.
Mas de resto correr maravilhosamente bem!!!! Ficaram magníficos e melhor que tudo... saborosos e cremosos!!! Com um sabor intenso a limão!!!!!
Até a minha Bekas queria... =D
Deu para 19 bombons... mas se tiver mais formas dá talvez para uns 25... tendo que apenas usar mais chocolate.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Rolo de Carne Guisado

25 comentários





























Ingredientes:
1 kg de carne picada (usei porco e vaca)
6 ovos pequenos
2 ovos
1 lata de cogumelos laminados
1 cebola grande
1 cebola roxa
1 cenoura
25 cl de cerveja
25 cl de água
1 knorr de carne
4 colheres de sopa de concentrado de tomate
Sal q.b.
Pimenta q.b.
Noz-moscada q.b.
Azeite q.b.

1. Coloque os 6 ovos pequenos a cozer durante 15 minutos.
2. Tempere a carne com sal, pimenta, noz-moscada e adicione a cebola roxa picada muito finamente e os 2 ovos crus. Envolva tudo.
3. Sobre uma folha de alumínio, estenda a carne picada. Sobre esta espalhe os cogumelos e depois os ovos cozidos inteiros e já descascados.
4. Com cuidado, e com a ajuda da folha de alumínio, enrole a carne. Aperte-a, feche as bordas da folha de alumínio e deixe ganhar forma.
5. Enquanto isso, num tacho onde caiba o rolo, corte a cebola grande às rodelas e refogue-a no azeite.
6. Ao refogado adicione as cenouras cortadas às rodela finas, o knorr, o concentrado de tomate. Regue com a cerveja e com a água.
7. Com cuidado, coloque o rolo dentro da tacho retirando a folha de alumínio (esta parte é capaz de salpicar um pouco =D).
8. Coloque a tampa do tacho e deixe ficar a cozinhar durante 45 minutos rodando a carne ocasionalmente e com cuidado.
9. Depois é ó servir e ver a cara de espanto da criançada! =D





























Nota: Como já disse por aqui, ovos dentro de carne é das coisas que o meu xuxu mais gosta...
Já fiz um rolo muito semelhante a este, a diferença é que o outro ia ao forno... mas como eu estava mais numa de um guisado... acabei por fazer um refogado e deixar a carne cozinhar ao lume... para não falar que há sempre molho para molhar o pãozinho =)
Ficou um delícia!!!!!! Adoro a combinação de cenoura e tomate... dá um gosto tão delicioso!

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Polvo no Forno à Figas

16 comentários



























Ingredientes:
1 polvo (1,5 kg)
1 kg de batatinhas
1 cebola
2 mãos cheias de salsa
Sal q.b.
1 limão (sumo)
Azeite q.b.

1. Coloque o polvo a cozer em pouca água, sem sal (eu coloquei um pouquinho de sal), e com o sumo do limão (na panela de pressão cerca de 25 minutos depois do apito se fazer ouvir).
2. Coloque as batatinhas num tabuleiro, regue-as com azeite e tempere-as com sal grosso. Envolva-as bem para que todas fiquem envolvidas no azeite e no sal e leve ao forno até ficarem assadas (antes de fazer isto eu dei uma pequena pré-cozedura para não levar tanto tempo no forno).
3. Com as batatas já assadas, espalme-as ligeiramente (eu uso um copo para não me queimar).
4. Escorra o polvo e corte-o em pedaços grandes e coloque-os sobre as batatas.

5. Pique a cebola e a salsa e coloque ambos no tabuleiro.
6. Regue com bastante azeite e envolva tudo com cuidado.
7. Leve ao forno por 15 a 20 minutos.




























Nota: Figas é o meu cunhado que até tem uma queda para a cozinha! Não só porque tem o gosto de querer experimentar e inventar... mas também porque a necessidade assim o obrigou.
O natal este ano calhou em casa dele e da minha irmã e este foi o prato que ele fez para nós.
Estava uma delícia!!! Adorei tanto que passado umas semanas liguei-lhe e perguntei-lhe como é que ele o tinha feito...
Provavelmente escapou-me alguma coisa mas paciência... estava igualmente deliciosooooooooo!
Na opinião dele, o polvo deve ser cozido sem sal e com sumo de limão para impedir que fique rijo e para não encolher tanto. Apenas deixei cozer 25 minutos e ele ficou tenrinho... =D
DELICIOUSSSSS! =D

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Pêra em Groselha

25 comentários




































Ingredientes:
4 pêras rochas
400 ml de água
100 ml de xarope de groselha
100 g de açúcar

1. Descasque as pêras.
2. Num tacho leve ao lume a água, o xarope de groselha e o açúcar.
3. Coloque as pêras dentro do tacho e deixe-as cozer, virando-as ocasionalmente com cuidado.
4. Retire as pêras depois de cozidas e deixe a calda ao lume até engrossar (eu comprei outro tipo de pêra e portanto deixei ficar as pêras até a calda engrossar).
5. Coloque as pêras em taças e regue-as com a calda caramelizada!






























Nota: Ficaram lindasssssssssssssssssssssss!!!
Adorei e foi tão rápido fazer esta sobremesa! O único senão é que a calda fica muito doce...
A receita veio da revista Segredos de Cozinha nº1091.
Sugestão da Wind:
«
Fiz sobremesa pêra com groselha, porém não coloquei açúcar, depois que as pêras estavam cozidas acrescentei amido de milho (maizena) dissolvido em água e deixei a calda engrossar, ficou com consistência de mel, não ficou doce demais»

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Bolo de Aniversário III

29 comentários































Génoise de Morango

Ingredientes
Bolo: (fiz 3 vezes a receita do bolo)
4 ovos
120 g de açúcar
60 g de farinha
60 g de fécula (usei farinha custard)
60 g de amêndoas moídas
2 colheres de essência de baunilha
30 g de manteiga (usei vaqueiro líquida)

Recheio:
500 g de morangos
1 saqueta de preparado de chantilly + 200 ml de leite

Bolo:
1. Numa tigela bata os ovos e o açúcar até obter um preparado branco, espumoso e muito consistente.
2. Adicione a farinha, a fécula, as amêndoas moídas, a essência de baunilha e a manteiga derretida.
3. Unte e polvilhe uma forma de fundo amovível, verta a massa e leve a cozer durante 25 minutos em forno pré-aquecido a 210º C.
4. Desenforme e deixe arrefecer sobre uma grelha.

Recheio:
5. Numa tigela bata o leite com o interior da saqueta até obter um chantilly bem firme.
6. Lave, escora e corte os morngos (não serão preciso todos) e incorpore-os ao chantilly.
7. Coloque um dos bolos sobre um prato de servir, cubra com bastante recheio, outro bolo por cima, mais recheio e termine com o último bolo.
8. Decore a gosto.






























Nota: Ora bem... apesar de eu, e toda a gente, ter adorado o aspecto exterior do bolo... de facto esta receita não me correu nada bem!
Fiz este bolo para o aniversário da minha mãe e da minha irmã que fazem anos no mesmo dia... pensei fazer um Génoise de Morangos que vi no site Doces Regionais, uma vez que a imagem do bolo nunca me saiu do pensamento... contudo a receita não deve corresponder à foto!
Faço o bolo a pensar que depois teria de o cortar em 3 camadas pôr o recheio e já está... quando fui a tirar o bolo do forno... foi uma desilusão... ele não tinha crescido nada... não entendi... mas acabei por decidir fazer 3 vezes o mesmo bolo para poder ficar com 3 camadas de bolo.
E pronto lá fiz, montei o bolo e decorei ao meu gosto...
Toda a gente adorou, cantou-se os parabéns, abriu-se o champanhe e quando fomos a comer o bolo... outra desilusão!!! Se não tivéssemos em família chegava mesmo a ser embaraçoso =( os bolos não ficaram nada fofos, pelo contrário... ficaram maçudos... =(
Não sei onde é que errei na receita...
- Será que a receita não corresponde à foto?
- Foi de não ter usado a fécula e ter substituído por farinha custard?
- Será que este suposto génoise é suposto ser uma miniatura de bolo?
- Apenas tive azar?
- Será o Génoise uma espécie de molotof... que corre mal a muita gente e não se sabe bem porquê?

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Sopa de Brócolos

12 comentários



























Ingredientes:
1 cebola pequena
100 g de cenoura
450 g de batata
300 g de courgette
500 g de brócolos
2 dentes de alho
1 fio de azeite
1800 g de água
1 mão cheia de massinha
50 g de chouriço
Sal q.b.

1. Descasque os dentes de alho, corte-os em lâminas e coloque-os numa panela com um fio de azeite até dourarem. Retire o alho da panela.
2. Descasque a cebola, a cenoura, a courgette e as batatas, corte tudo em cubos e junte à panela. Deixe tomar gosto por uns minutos.
3. Acrescente a água e tempere com sal e junte o chouriço.
4. Lave os brócolos e separe-os.
5. Quando a água levantar fervura, junte os brócolos e deixe cozinhar por 15 a 20 minutos.
6. Retire o chouriço e alguns "ramos" de brócolos, e triture os restantes ingredientes.
7. Volte a colocar o chouriço cortado em cubos, as massinhas e os brócolos reservados.



























Nota: «Eu não gosto de sopa de brócolos!» lool isto foi o que ele me disse quando soube o que era o jantar =D (mas comeu o prato todo da sopa!)
Eu gosto muito de sopas... não como tantas vezes quanto devia... mas tento fazer uma por semana... geralmente ao domingo para jantarmos algo simples.
A receita é da revista Segredos de Cozinha e na minha opinião tem brócolos a mais.