segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Bolo de Chocolate com Leite Condensado

29 comentários



























Ingredientes
Massa:
200 g de açúcar amarelo
4 colheres de sopa de cacau
1 lata de leite condensado
3 ovos
300 ml de leite morno
150 g de manteiga (usei vaqueiro líquida)
350 g de farinha
1 colher de chá de fermento

Recheio e Cobertura:
1 lata de leite condensado cozido
50 g de chocolate negro em tablete

Massa:
1. Unte uma forma, sem chaminé, com manteiga e forre o fundo com papel vegetal também untado.
2. Ligue o forno a 180 ºC.
3. Numa tigela bata o açúcar, a manteiga, os ovos, o leite condensado, o cacau e o leite morno.
4. Adicione a farinha e o fermento.
5. Verta a massa na forma e leve ao forno durante 45 minutos.
6. Desenforme morno e deixe arrefecer.
Recheio e Cobertura:
7. Leve ao lume, em banho maria, 3 colheres de sopa de leite condensado cozido com o chocolate partido em pedaços pequenos.
8. Quando derreter junte o resto da lata de leite condensado cozido.
9. Corte o bolo ao meio (na horizontal) e recheie o bolo com uma camada de creme.
10. Com o restante creme cubra o bolo.
11. Decore a gosto.




























Nota: Na sexta-feira recebi uma surpresa... pelo correio recebi o livro «As Melhores Receitas de Bolos e Tartes» ora eu não tinha mandado vir nada e liguei à minha irmã... tinha sido ela que tinha participado numa promoção da Sidul para receber o livro em questão... mas como ela não costuma fazer sobremesas nenhumas mandou vir o livro para mim!
EU AMEI O LIVRO!! Tem bolos fabulosos e foi uma grande indecisão escolher por qual começar!!
Como está óbvio comecei por este que aqui vos deixo! =) Quem é amiga quem é?? =D
Na foto do livro eles apenas rechearam e fizeram a cobertura com a lata de leite condensado... não lhe juntaram a tablete... o contraste entre o castanho escuro do bolo e a cor de caramelo da lata de leite condensado ficou deslumbrante!




quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Red Velvet Cake (Bolo de Veludo Vermelho)

50 comentários


























Ingredientes
Massa:
350 g farinha peneirada
1/2 colher de chá de sal
2 colheres de sopa de cacau peneirado
112 g de manteiga sem sal a temperatura ambiente (usei vaqueiro líquida)
310 g de açúcar
2 ovos grandes
1 colher de chá de extracto de baunilha
240 ml de leitelho (buttermilk) [encontrei à venda com o nome de TRAVIA]
2 colheres de sopa de corante alimentar vermelho (usei o frasco todo 28 ml)
1 colher de chá vinagre destilado (usei vinagre de arroz)
1 colher de chá de bicarbonato de sódio

Recheio e Cobertura:
227 g de queijo creme à temperatura ambiente
227 g de mascarpone à temperatura ambiente
1 colher de chá de extracto de baunilha
115 g de icing sugar peneirado
1 saqueta de chantilly em pó + 200 ml de leite

Bolo:
1. Ligue o forno a 175ºC.
2. Unte duas formas com 22 cm de diâmetro e forre o fundo da formas com papel vegetal.
3. Numa tigela misture a farinha, o sal e o cacau. Reserve.
4. Na taça da batedeira eléctrica bata a manteiga até ficar suave.
5. Adicione o açúcar e bata até ficar uma massa fofa.
6. Adicione os ovos, um de cada vez e batendo bem após cada adição.
7. Raspe as bordas da taça e adicione a baunilha e bata até estar bem incorporada.
8. Misture o corante vermelho com o leitelho.
9. Reduza a velocidade da batedeira eléctrica e misture, alternadamente, o leitelho e a mistura da farinha, em 3 adições começando e terminando na farinha.
10. Numa tigela pequena adicione o vinagre com o bicarbonato de sódio, deixe a mistura reagir (fazendo espuma) e, muito rapidamente, envolva-a na massa do bolo.
11. Com alguma rapidez, divida a massa nas duas formas, alise a massa com uma espátula e leve ao forno cerca de 25 a 30 minutos.
12. Deixe os bolos arrefecerem dentro das formas sobre uma grelha durante 10 minutos.
13. Coloque a grelha sobre as formas do bolo e vire-os ao contrário, deixado-os invertidos até arrefecerem completamente.
14. Após terem arrefecido, desemforme e embrulhe os bolos em película aderente e coloque-os no frigorífico durante 1 hora (isto serve para facilitar o recheio e a cobertura).

A cobertura:
15. Numa taça da batedeira eléctrica, bata o queijo creme, o mascarpone até ficar suave.
16. Adicione a baunilha e o açúcar e bata até estar bem incorporado.
17. Noutra tigela bata a saqueta do preparado de chantilly com o leite até este ficar firme.
18. Envolva o chantilly com a mistura do mascarpone.

Montagem:
19. Corte os dois bolos ao meio, na horizontal, ficando assim com 4 camadas de bolo.
20. Coloque uma fatia de bolo num prato (com o topo virado para baixo), coloque uma boa camada de recheio, outra fatia bolo, mais recheio, bolo, recheio e termine com a útima fatia de bolo.
21. Com o resto do recheio cubra o bolo todo, em cima e dos lados.
22. Decore a gosto.


























Nota: A primeira vez que fiz este bolo foi quando comecei a cozinhar... apesar do meu inglês nem ser mau... havia muitos termos culinários e ingredientes que eu desconhecia por falta de experiência. Após 4 anos fui reler a receita, que guardo há tanto tempo, e ao ler pareceu-me tão fácil.... nem entendi porque é que não me tinha corrido bem na primeira vez!?
Assim... mesmo sabendo que ia dar trabalho, enchi-me de vontade de fazer este magnífico bolo!
E sabem que mais... agora entendo porque lhe chamam Bolo de Veludo... após ter provado o bolo (2 dias depois do ter feito lol) eu não conseguiria arranjar outro adjectivo para o bolo que lhe assentasse melhor.
Ficou extremamente suave, fofinho... as camadas de recheio mantinham o bolo húmido, mas não em exagero... sem dúvida alguma que aveludado é a melhor definição que me ocorre quando penso neste bolo.
Se dá trabalho? - Sim dá.
Se vale a pena? - SEM DÚVIDA ALGUMA.
Não tive foi é paciência para decorar o bolo mas... «o essencial ao coração é invisível aos olhos»
A receita veio do site Joy Of Baking.

Substituir Buttermilk

4 comentários

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Bacalhau com Castanhas & Cogumelos

25 comentários




























Ingredientes:
4 lombos de bacalhau (previamente demolhados)
300 g de castanhas
300 g de cogumelos (usei paris)
4 fatias de queijo
3 fatias de bacon
Azeite q.b.
Sal q.b.
Pimenta q.b.
Farinha q.b.
Molho de soja q.b.

1. Lave os cogumelos e corte-os finamente.
2. Aqueça um pouco de azeite numa frigideira e core as castanhas e os cogumelos em lume brando durante 5 minutos, tempere com sal e pimenta.
3. Enquanto isso, noutra frigideira coloque mais azeite aquecer.
4. Passe as postas de bacalhau por farinha e coloque-as no azeite para corar de ambos os lados.
5. Entretanto os cogumelos largaram bastante água e não ficaram muito corados portanto escorra e volte a coloca-los na frigideira com um pouco de azeite e um pouco de molho de soja para ganharem uma cor acastanhada.
6. Coloque o bacalhau no centro de um tabuleiro e as castanhas e os cogumelos nas bordas.
7. Leve ao forno durante a 200ºC por 20 minutos.
8. Enquanto isso frite 3 fatias de bacon directamente na frigideira sem qualquer óleo, azeite ou margarita.
9. Após os 20 minutos, coloque uma fatia de queijo em cada posta de bacalhau e por cima do queijo o bacon picadinho.
10. Leve novamente ao forno apenas para o queijo derreter.
11. Sirva acompanhado com migas (já postado aqui).





























Nota: QUE DELÍCIA DE BACALHAU!!!! O queijo, o bacon, as castanhas, os cogumelos hummm que maravilha!!!! Amei!!!!!!!
A receita vem da revista Segredos de Cozinha nº1095 com ligeiras alterações claro.
Serve 4.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Bruschetta com Ricota e Doce de Laranja - Giada de Laurentiis

22 comentários




























Ingredientes:
Fatias de pão q.b.
Queijo ricota q.b.
Doce de laranja q.b.

1. Corte o pão em fatias (eu já as comprei cortadas) e toste as fatias do pão numa chapa/grelhador.
2. Recheie com queijo ricota.
3. Por cima do queijo espalhe doce de laranja.





























Nota: Eu quase que me babava enquanto via a belíssima italiana Giada de Laurentiis, no Food Network, a fazer estas bruschetas... não resisti e no mesmo dia fui comprar o queijo, o pão e até o doce de laranja (ela usou marmelada de laranja) mas sabem que mais... descobri que não gosto de queijo ricota!!! =D e ainda por cima o doce de laranja que comprei era um da Casa Mateus e de doce não tinha nada!!!!!!
Resumindo... ou desisto ou experimento com outro doce e vejo que afinal o desenxabido queijo ricota, com um verdadeiro doce, até sabe bem =D

O que se passa com o meu bambu???

21 comentários
Hoje era para postar uma receita mas acabei por decidir solicitar ajuda!!!
O meu bambu anda a ficar amarelo e eu não sei porque.... =(
Já o tenho há 4 anos e meio e tenho muita pena se ele estiver a morrer...
Alguém me pode explicar o que se passa com ele?
Pleaseeeeeeee....
Tem solução?

RESULTADO:
Segui os conselhos que me foram dados e imagem só!? O meu bambu sobreviveu!!!!!!!!
Retirei as folhas amarelas e coloquei terra bastante húmida dentro do vaso.
De certo que lhe faltavam nutrientes =D
2 meses depois continua depenado mas está vivo!!!
Obrigada a todas(os).

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Chocos Grelhados

16 comentários




























Ingredientes:

1 kg de chocos limpos e congelados
1 a 2 limões q.b.
Sal q.b.

1. Descongele os chocos.
2. Tempere com bastante sumo de limão e sal a gosto.
3. Grelhe os chocos e sirva acompanhado de batatas, brócolos e ovos cozidos.





























Nota: As receitas quanto mais simples melhor... e esta deve ser das mais simples que existe... mas é das refeições preferidas do meu xuxu... aliás... eu desta refeição não fiz NADA!
Cheguei a casa e tinha a mesa posta, chocos grelhados, legumes cozidos... foi só sentar e comer =)
Até foi ele que tirou as fotos para postar no blogue!!!!! =)
Eu continuo a gostar e optar por postar as receitas mais básicas porque eu sei como me custou de inicio não saber como fazer... mesmo as mais simples como esta.
Serve 2.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Tarte de Chocolate de Leite - Andy Bates

22 comentários




























Ingredientes

Massa:
225 g de farinha
75 g icing sugar
150 g manteiga
1 ovo a temperatura ambiente
1 gema a temperatura ambiente
Sal q.b.

Recheio:
450 ml de natas
600 g chocolate de leite
150 ml eite magro
3 ovos a temperatura ambiente

1. Para amassa, coloque na misturadora a farinha e o açúcar e ligue a máquina.
2. Adicione um pouquinho de sal e a manteiga e volte a ligar a máquina até ficar um granulado tipo areia molhada.
3. Por fim adicione o ovo e a gema e volte a misturar até a massa formar um bola.
4. Retire a massa da misturadora e embrulhe-a em filme e reserve no frigorífico durante 30 minutos.
5. Ligue o forno a 160 ºC.
6. Polvilhe uma bancada fria com farinha, e com o rolo estenda a massa para caber numa tarteira de 28 cm e ficando com uma espessura de 2 mm (vá usando farinha, porque como a massa leva açúcar ela vai ficar mais "pegajosa").
7. Unte e polvilhe uma tarteira e forre a tarteira com a massa (o truque é enrolar levemente a massa no rolo e desenrolar sobre a tarteira).
8. Deixe a massa descansar no frigorífico por mais 20 minutos para evitar que encolha.
9. Coloque papel vegetal sobre a massa e por cima coloque feijão seco ou outro... algo para fazer peso e leve ao forno por 20 minutos. Depois retire o peso e o papel vegetal e leve ao forno por mais 5 minutos, ou até dourar.
10. Baixe a temperatura do forno para 140 ºC.
11. Para o recheio, pique o chocolate e coloque-o numa tigela.
12. Aqueça o leite com as natas,e quando começar a ferver verta sobre o chocolate e mexã bem até dissolver o chocolate todo.
13. Deixe arrefecer 5 minutos.
14. Bata os ovos e adicione ao chocolate e mexa muito bem.
15. Verta o recheio para a massa e com cuidado leve a tarteira ao forno durante 30 a 40 minutos.
16. Deixe arrefecer em temperatura ambiente.




























Nota: A única parte complicada é a massa uma vez que é pegajosa... mas de resto a tarte vale o tempo perdido. Um pouco doce demais... mas ainda assim muito boa.
Estava a ver o canal da Food Netwook quando vejo um chef chamado Andy Bates, que decidiu ir vender a sua comida para dois mercados de rua em Londres. Esta é uma das receitas!
Comecei logo a transcrever a receitinha para o meu caderno de receitas. =)

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Pudim de Pêras e Chocolate - Nigella

19 comentários





























Ingredientes:

2 latas pequenas de pêras
125 g de farinha
125 g de açúcar
25 g de cacau (boa qualidade)
1 colher de chá de fermento
1/4 de colher de chá de bicarbonato de sódio
150 g manteiga amolecida (uso vaqueiro líquido)
2 colheres de chá de baunilha
2 ovos

1. Escorra as pêras e coloque-as num tabuleiro do forno untado com manteiga.
2. Na misturadora adicione a farinha, o açúcar, o cacau, o fermento, o bicarbonato de sódio, a manteiga, a baunilha e os ovos e ligue a máquina.
3. Espalhe a massa espessa sobre as pêras.
4. Leve ao forno a 220ºC durante 30 minutos.






























Nota: Um pudim extremamente fácil e rápido de fazer... não fosse a receita da Nigella!
Adorei a parte do chocolate... deliciosa!!! As pêras não aprecei muito... =)

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Doce Mosaico

25 comentários


Ingredientes:
1 lata de leite condensado
1 gelatina de ananás (1 saqueta 85gr)
1 gelatina vermelha (1 saqueta 85gr)
1 gelatina verde (1 saqueta 85gr)
1 gelatina amarela (1 saqueta 85gr)
1 gelatina laranja (1 saqueta 85gr)

1. Vamos começar pelas gelatinas coloridas:
- coloque o conteúdo de uma saqueta numa taça e sobre ela verta 250 ml de água a ferver, mexa até estar bem dissolvido. Verta este preparado para uma taça larga e pouco funda e deixe solidificar. (nestas gelatinas não precisa de adicionar a água fria)
- Repita este processo com todas as gelatinas coloridas (excepto a de ananás).
2. Enquanto as gelatinas solidificam, faça a gelatina de ananás. Coloque o conteúdo de 1 saqueta numa taça, verta sobre ela 250 ml de água a ferver, mexa muito bem e depois adicione 250 ml de água fria.
3. Deixe repousar cerca de 40 a 50 minutos.
4. Adicione a lata de leite condensado e mexa até estar bem incorporado (não use a batedeira para evitar espuma)
5. Por esta altura as gelatinas coloridas já estão solidificadas e com a ajuda de uma faca trace cubinhos não muito grandes e descole-os com a ajuda de uma espátula.
6. Adicione os cubinhos ao preparado do leite condensado, misture bem para as cores se espalharem e depois é só levar ao frigorífico para solidificar.


Nota: Um clássico lá de casa nos tempos em que eu era garota! Quem a fazia era a minha irmã mais velha. Visualmente fica fantástica, especialmente para festas de crianças acho-a fenomenal.
Não é nada difícil de fazer, os ingredientes são extremamente fáceis de encontrar e a melhor parte: É DELICIOSA!!!!! Adoro!!!